Pages

Ads 468x60px

.

domingo, 3 de junho de 2012

Ouvindo a Voz do Espírito Santo

Texto Ap. 2.11

INTRODUÇÃO

Ouvir é uma ação exercida por um dos órgãos dos sentidos que Deus proporcionou aos homens. Há três tipos de vozes: a voz de Deus, a voz do inimigo e as vozes do mundo. Há muitas vozes no mundo: a voz dos homens, a voz da nossa alma que inclui o nosso eu, a nossa vontade, nossos sentimentos e pensamentos. Como o mundo jaz no maligno, ele interfere nas vozes do mundo, o qual constitui uma barreira entre nós e o Espírito Santo. Precisamos ultrapassar as barreiras da posição que exercemos, da intelectualidade, bem como dos nossos pensamentos, vontade e decisões. (Ap 2.11;3.13,22). Deus quer falar à sua Igreja. Precisamos pedir-Lhe a sensibilidade para ouvir a Sua voz. Para ouvirmos o Espírito Santo falar conosco, é necessário, portanto, tomarmos algumas atitudes que veremos a seguir:
1. AQUIETAR O NOSSO CORAÇÃO
Para aquietar nosso coração, precisamos nos humilhar diante de Deus, nos despojando de tudo que pode constituir uma barreira entre nós e Ele, como a ansiedade, o ativismo, isto é muitas atividades ao mesmo tempo, que podem conduzir à dispersão, o que nos impede de conectar com Deus e de captar a Sua mensagem ou até mesmo de ouvir a resposta que Ele tem para nós. O Espírito Santo é sensível, doce, manso e tranquilo. A sua voz é como águas tranquilas que correm em pastos verdejantes (Sl 23.2). Somente um coração tranquilo e quieto, que fica a sós com Deus, está na condição de ouvir o Espírito Santo. Dessa forma, podemos ter um verdadeiro encontro com Ele como fez Jacó (Gn 32.22-32). Precisamos separar a cada dia um período de tempo para estarmos a sós com Deus, aquietando o nosso coração, em jejum, oração e
leitura da Palavra para que possamos ouvir o Espírito Santo falar conosco.

2. CALAR A NOSSA ALMA
É o nosso espírito que se comunica com Deus e que também O ouve. A nossa alma luta com o nosso espírito para prevalecer e se assenhorear de todo o nosso ser, tentando dominá-lo para que venhamos ouvi-la e não a Deus. Precisamos desbloquear os nossos ouvidos espirituais para que possamos ouvir as mensagens que Deus nos envia através dos Seus anjos que também são santos e sensíveis e não se aproximam para nos trazer a resposta, enquanto não calarmos a voz da nossa alma (Sl 37.4,5,7). Para ouvir o Espírito Santo, é necessário ter uma sensibilidade auditiva muito intensa para atravessar as diversas vozes existentes no mundo, penetrar no reino espiritual e, ali, captar a mensagem que Deus está enviando. A Palavra de Deus insiste nos advertindo: "Aquietai-vos e sabei que eu sou Deus..." e "Aquele que tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas" (Sl 46.10; Ap 2.11:3.!3,22). Quando nos aquietamos, entregando o nosso problema ao Senhor, Êle enviará a resposta.

CONCLUSÃO
Deus está sempre nos ouvindo e falando conosco. O que precisamos é ter ouvidos espirituais para ouvi-lo. Na verdade, devemos clamar a Deus que nos dê ouvidos espirituais para que possamos ouvir a Sua voz e obedecer-Lhe.


fonte:http://com12.com

0 comentários:

Postar um comentário